A importância da inovação na indústria de alimentos

A globalização, e o consequente aumento da concorrência, junto à elevação dos níveis de exigências por parte dos consumidores requerem atenção por parte das empresas. Inovação em produtos e processos de produção e o aperfeiçoamento dos já existentes se tornam necessidades reais e irrevogáveis. O investimento em desenvolvimento de produtos e a implementação de inovações tecnológicas na indústria de alimentos resultam não só no aumento da competitividade, mas também em melhorias na eficiência, produtividade e lucratividade.

Os consumidores estão cada vez mais atentos à qualidade, aparência e valores dos produtos. Por isso, para se manter no mercado e conseguir conquistar cada vez uma parcela maior dele, é preciso investimentos constantes e zelo com os produtos que se oferece aos clientes.

A inovação no que diz respeito aos produtos pode ser dividida na criação de novos alimentos, com características e aplicações diferentes das anteriores, ou no melhoramento de um produto, que tem sua qualidade aprimorada. Já as inovações no processo, englobam a adoção de novos métodos de produção mais eficientes, e até mudanças para aperfeiçoar o modo de apresentação do produto. Se pensadas de maneira estratégica, essas inovações podem superar as expectativas já existentes nos clientes e assim se tornam maiores as chances de conquistá-los e fidelizá-los.

A melhoria dos produtos não exige, necessariamente, a aquisição de novas máquinas ou equipamentos. É possível aumentar a qualidade de um alimento ou a eficiência da produção alterando fórmulas ou processos, de maneiras mais simples do que se imagina. É comum também a adaptação de equipamentos já existentes, aumentando a produtividade e reduzindo custos, o que leva à redução do preço final da mercadoria.

É sempre bom se atentar para as exigências das leis específicas que a indústria alimentícia deve atender. Assim, qualquer alteração no produto ou no processo deve levar as regras vigentes em consideração e, por isso, a ajuda de especialistas é sempre valiosa.

  Hoje, há um risco grande de qualquer produto transformar-se em uma espécie de “commodity”. Por definição, o termo significa uma matéria-prima de grande importância. O preço é definido pela

O número de produtores de alimentos orgânicos cresce anualmente. Mesmo assim é insuficiente para atender a toda demanda brasileira. De acordo com o Instituto Biodinâmico, dedicado ao segmento, o aumento

Engenheira de Alimentos, vencedora do concurso “Melhor Pão de Queijo do Brasil”, promovido pelo programa da Globo Mais Você, de Ana Maria Braga. Tem 20 anos de mercado, é responsável

Vivendo tempos de extrema polarização, fica difícil apontar uma unanimidade, mas pelo menos em terras mineiras podemos arriscar um palpite: o pão de queijo tem o poder de unir diferentes

Controle, economia e alta qualidade são alguns dos benefícios alcançados com a implementação de uma central.

Apresentação do PowerPoint Com intuito de orientar adequadamente a retomada das atividades da indústria tem em vista o cenário pandêmico, o SESI desenvolveu um documento que reúne recomendações e melhores

É bem comum ver empreendedores, do pequeno ao grande, iniciarem seus negócios preocupados com a contabilidade, com o gerenciamento funcionários, atendimento aos clientes, mas acabam se esquecendo de um dos

Food talks

Receba nossa NEWSLETTER uma ves ao mês com nossa curadoria sobre o que está rolando de mais interessante na área de alimentos!
×